Cases

 

Geração de R$ 30 milhões para a Heineken

 

Quando a Kirin Brewery comprou a Schincariol em 2011, Juan Maiko foi alocado em dois projetos dentro deste processo de M&A que resultou na Brasil Kirin (atual Heineken). Um dos projetos visava gerar receitas e caixa a partir de análises de relatórios gerenciais, de estoques e ativos in loco – foram duas ações de Juan neste projeto:

  1. Descoberta e proposta de desmembramento do terreno da fábrica de Itu-SP. Desde 2004 esta região está sendo alvo de desenvolvimentos imobiliários (condomínios fechados horizontais). Somente este desmembramento significou uma venda de quase R$ 11 milhões, que se somou a outras de R$ 19 milhões.
  2. Zona de Segurança fabril-ambiental proposta e aprovada pelo então CEO e gerente patrimonial, para dissipação de odores e sons da fábrica.

Mais qualidade de vida e produtividade na Unilever

 

A criação de uma 4ª escala de trabalho foi o resultado de estudos de Juan Maiko, que tinha apenas 24 anos. A proposta de Juan foi aceita porque favorecia, ao mesmo tempo, a maximização de produção em dias úteis e folgas de funcionários nos finais de semana. Em 2002, a matriz brasileira e o sindicato dos trabalhadores químicos aprovaram a implementação desta escala. Saiba como foi:

  1. Enquanto trabalhava nas escalas, Juan foi inserido em uma das três existentes. Indagando outros funcionários, viu que, por matemática e lógica (e Excel), era possível realocar as folgas do ciclo fechado de 21 dias – uma vez que folgas e dias de trabalho variavam por três semanas e depois se repetiam nas próximas três semanas, e assim sucessivamente.
  2. Diante disso, Juan elaborou memorandos, discutiu com a comissão de PLR da fábrica (da qual fazia parte), reuniu-se com seu coordenador e teve sua proposta aceita no comitê executivo da fábrica de sabão em pó de Indaiatuba-SP.

Criação de 58 KPIs para dashboard de diretoria

 

Em 2011, Juan Maiko desenhou uma proposta, a vendeu, treinou uma equipe de 6 assistentes e entregou um projeto de revisão de processos e desenvolvimento de 58 KPIs para o dashboard da Diretoria de Operações (COO).

O dashboard seria alimentado pelo ERP e BI TOTVS. O escopo envolveu mais de 10 departamentos, 7 fábricas, 10 consultores de big4 e mais de R$ 500 mil.

natura

Projeto Sangue C Tipo Coach avalizado pela Natura

 

A doação de sangue é uma prática de Juan Maiko desde os seus 19 anos, quando começou a doar sangue e plaquetas regularmente. Desde então, foram mais 100 doações. Em 2015, ampliou esse compromisso social à Proseado e criou o projeto Sangue C Tipo Coach, cujo foco é fomentar esse ato de solidariedade em clientes Proseado: ao doar sangue, eles ganham bônus de horas de consultoria.

Ao descobrir que a Natura (líder brasileira em cosméticos) possuía um programa de apoio a iniciativas sociais de seus clientes, conseguiu ter seu projeto reconhecido como inovador. Veja aqui a página do projeto.